quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Pega sua xícara de café e vamos conversar: Por que você não fala?

     Por que hein?
     Costume bobo que temos de não falar as coisas que queremos, mania de achar que o outro tem bola de cristal, para fazer adivinhações certeiras, Fia nem todo mundo anda com cartas de tarô, e nem assim adivinhar o que você realmente quer seria tão preciso, quando usar sua própria boquinha para dizer...

     Vamos Fia, solta a voz...Fale tudo o que está dentro de você!!!

     Pausa para mostrar meu lindo paninho de prato, um amiga me trouxe direto de Portugal, vi pelo face que estava embarcando e pedi na cara de pau: Paula, me traz um imã de azulejo português, e além do que pedi ainda trouxe esse paninho lindo, deixo sempre no fogão, e ai de quem pegar meu pano para enxugar a mão...



     Ainda antes de continuar com o assunto do post, queria contar que depois que as crias nasceram, eu virei a doida do café, viciada mesmo, não fico um dia sem, todo lugar que chego, vou logo procurar aquela garrafa de café que sempre está no cantinho, chega a dar palpitação ir na casa de alguém e me oferecerem  café passado naquele momento #ficaadica viu?
     E também não gosto de beber naquela "xicrinhas" pequenas, gosto de caneca grande, mesmo que só vou tomar o fundinho, e para concluir não bebo café quente, deixo amornar, acho que isso foi com o tempo, já que depois dos filhos nada mais nessa vida é quente mesmo, nem comida, nem sexo, um banho e olhe lá, hahaha

    Pois é...
    E voltando ao assunto, preciso contar que  o café ai de cima foi meu marido quem fez, já deixou prontinho na garrafa hoje cedo, com um escrito pequeno no rodapé da lousinha:


     E foi por isso que resolvi fazer esse post, pois se eu só falasse que meu anjo de marido, faz café para mim, todo mundo já ia crescer o olho, ou ficar triste pensando "o que seu marido tem de diferente do meu" "o por que seu marido faz e o meu não" e coisas do tipo, sendo que nem sempre foi assim e apenas dois gestos meu fizeram uma mudança incrivel.

     Lembrando que eu sou a doida do café, certo dia eu estava com muita preguiça e pedi para ele passar para mim, ele disse que sabia e eu confiei...Todo feliz ele foi, mais quando ficou pronto o café estava horrivel, e eu disse na cara dele o quão ruim tinha ficado...pensa na cara do coitado!

     Por algumas vezes depois, ele ainda perguntava se eu queria que ele fizesse e sempre recusei dizendo que "você não sabe fazer café, sempre fica horrivel, só estraga pó, prefiro eu mesma fazer", e sentia aquele ar de frustação dele não conseguir me agradar com um simples cafézinho matinal...

     Até que um dia, eu nos meus momentos de inspiração, resolvi escrever um bilhetinho carinho e colocar por dentro da porta do armário, espia:

A foto não ficou com um foco bom, mais dá para entender néh...
No bilhete diz:

RECEITA PARA MIMAR O SEU AMOR:
2 medidas de água fervente
4 medidas de pó (está dentro do pote)
5 colheres de açucar.

Modo de preparo:
Ferver a água já com o açucar.
Quando ferver, despeje no café, e Sirva com muito amor.

No caso de precisar fazer mais, dobrar a receita.

     Quando ele chegou do serviço, eu pedi para que olhasse no armário e que se pudesse seguisse as instruções, Que ele sabia fazer café muito bem, mais que se fosse pela receita ficaria do meu gosto e me agradaria mais. E a partir daquele dia, ele faz o café do jeitinho que eu gosto, fins de semana ele já sabe que vou acordar tarde, por que trabalho a noite, então já deixa o café prontinho, e quando não está atrasado faz também durante a semana...

     Isso é mais do que amor, e dedicação, isso é saber falar e ouvir, isso é saber se relacionar, pensa em como meu marido se chateou, pq tentou me agradar e não gostei, recusei e o xinguei..Sendo que apenas uma conversa e um bilhetinho com uma explicação simples, mudou tudo...
     Pode parecer besteira, é apenas café, mas pensem em quantas vezes chateamos quem está a nossa volta, por acharmos que eles deveriam saber o que queremos, o que pensamos, o que achamos sobre tal coisa, e num casamento esse tipo de coisa vai virando uma bola de neve, até o ponto de não se aguentar mais, coisas miudinha que se juntam e explodem, eu sei disso pq já nos separamos e quando voltamos resolvemos assumir um novo compromisso, que exigiu muito mais de mim, mudar meus hábitos, falas, e sentimentos, do que dele que sempre esteve aberto a me escutar, só que eu não falava.

     Quem não fala, não pode ser escutado!
     Ninguém tem bola de cristal.
     Pense com carinho na melhor maneira de passar ao outro tudo que sente, como quer fazer, o que pensou a respeito, e espere que o outro também se abra com você no momento dele. Com certeza vai colher coisas boas para sua relação, seja com parceiro, com seus pais, filhos, irmãos, colegas de trabalhos, faça sua voz ser ouvida!

Até mais...
Bjinhosss






5 comentários:

Saron... disse...

Keilla tô cá assentindo com tudo o que você escreveu.
Eu e meu esposo antes de casar nós concordamos em seguir certas regras. Já comentei isso contigo lá no face... Nunca dormir de cara amarrada um com o outro. E sempre dizer o que espera, o que quer, o que o feriu. Porque muitas vezes agimos de um modo que nem sequer percebemos que ferimos o outro. Ou desdenhamos da algo que o outro fez com tanto amor. Nisso eu sou meio diferente, nunca digo ficou ruim, não gostei...kkkkk Eu aceito, comento que tá legal mas poderia ficar melhor se el fizesse assim e assado. Enfim, é como você mesmo falou ; pequenos gestos fazem a diferença. Gostei do post. Bjinhos

Ana Guedes disse...

Arrasou no texto, é isso aí mesmo, só falando somos ouvidas!

Fernanda Lucena disse...

Muito obrigada!
Eu precisava ler isso!!!

Dificil msm 'ser agradad' qd o outro n faz a mínima ideia de cm fazer isso!
Meu marido vivie dizendo: n fiz tal coisa pq n sei do q vc gosta, tu n gosta de nada!
N é verdade, mas eu me irrito qd ele diz isso e acabo n dizendo do q realmente gosto!

Valeu mesmo pelo toque!


Bjooos
muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br/

Monique e suas artes disse...

Amei o texto, estou casada a 30 anos e sempre converso e Figo o que penso só meu marido e nos entendemos bem.O seu pano é lindo moro aqui em Pirtugal e está uma febre esses panos e toalhas com a patronagem de azulejos também já tenho e já presenteei algumas amigas que estão fora daqui.😘😘😘😘😘

Josilene disse...

Adorei! Certíssima. ��