terça-feira, 22 de setembro de 2015

Deixar a depressão de lado e mudar!

Fiquei pensando dias antes de escrever essa postagem...
Saber ao certo como abordar um tema tão delicado, e presente na vida de muitas pessoas, maioria mulheres...os prórimos posts aqui no blog, será voltando para superação, e antes de tudo precisava contar algumas coisas....

Vamos falar de: DEPRESSÃO....

Engana-se quem pensa que deprimida é uma pessoa que chora todo dia e não tem força para nada apenas...muitas vezes, são pessoas que passam despercebidas, que riem o dia todo, mais que se fecham em seu casulo,que criam uma barreira emocional sem explicação e sofrem traumas do passado, que não conseguem se esquecer...A vida vai caminhando aos poucos, e a pessoa empurrando com a barriga sem se dar conta do que está ao seu redor....se acostuma com tudo aquilo sem conseguir mudar...como se tivesse uma barreira invisivel...e se ela não foi tratada a tempo, vai piorando com o passar do tempo, dos anos, principalmente quando se chega na velhice...

O sentimento muitas vezes é de impotencia, para tudo, nada consegue dar um jeito...Coisas simples se tornam dificil, a sensação de vazio toma conta, se sente deprimida durante muito tempo...e quando se toma alguma providencia para começar a mudar, algumas coisas sempre nos colocam para baixo, desmotivando e fazendo com que nossa vida pareça um lugar comum...Vou dar um exemplo:

Tem pessoas que são acima do peso comum, e não se sentem bem com isso, chamadas vulgamente de Gordas...então, a pessoa decide emagrecer, lê relatos, faz planos, e começa uma reeducação alimentar...cada dia que passa, vence desafios pequenos que para ela são considerados imensos, no fim de uma semana, a pessoa emagreceu 500g e se sente incrivelmente melhor...porém chega alguém e solta: Nossa, mais vc não decidiu emagrecer? não estou vendo diferença nenhuma...

Desanima néh...ninguém tem consciencia do tamanho da força de vontade que aquela pessoa teve para começar a tentar mudar de vida, redefinir hábitos alimentares, e a sua conquista pessoal em se sentir melhor e emagrecer 500g que seja..óbvio que a diferença não vai ser enxergada por terceiros, mais sim a pessoa mesma em seu interior vai sentir mudança, e é isso que importa...

Por que eu falei tudo isso a respeito de uma pessoa "gorda", pq é a mesma coisa com uma pessoa depressiva, independente da intensidade...é uma luta acordar de manhã e pensar em tudo que tem que fazer, é uma luta conseguir fazer pequenas mudanças de hábitos que nos colocam para baixo, é incrivel como outras pessoas julgam o que deixamos de fazer, sem entender o que se passa em nossas mentes...

Sim, eu sou uma pessoa depressiva e luto a anos contra isso...
Meu maior problema, é que sou mega desorganizada, e mesma sabendo limpar e arrumar tudo muito bem, não conseguia fazer isso na minha própria casa..levando em consideração que tenho duas crianças pequenas e mais uns 20 gatos, que me exigem muito mais dedicação, fica infinitamente mais dificil conseguir mudar meus hábitos para melhorar meu dia a dia, minha rotina, e conseguir estar num ambiente melhor, mesmo dentro de casa...alguém consegue entender o que passo?

A depressão só me faz sentir mais impossibilitada, como se algo me prendesse a essa rotina desgastante de fazer, fazer, fazer e não ver resultado que me motivasse...e ainda chegava algumas pessoas na minha vida, e sem conseguir enxergar minha luta solitária que colocava ainda mais para baixo...

Então a algumas semanas, passei noites lendos artigos, conversei também com uma amiga farmacêutica sobre homeopatias e médicos que poderiam me ajudar, pois Depressão é uma doenças e precisa de tratamento viu? e com algumas dicas que encontrei pela net, fui aplicando no meu dia e dia para conseguir mudar algumas coisas que me deixaram muito feliz, coisas simples que outras pessoas fazem normalmente para mim fizeram diferenças grandiosas, aos poucos vou contando no blog, e passando essas dicas para outras pessoas...O que não elimina também tratamento médico, ok? ele é super importante e necessário!

E por que escrevi todo esse texto?
Para que outras pessoas também se conscientizem que também precisam de ajuda, para que encontrem apoio, para que saibam principalmente que não estão sozinhas, e que tem salvação...por que muitas vezes a depressão nos faz sentir que estamos em um buraco imenso sem chance de sair de nenhuma maneira, e isso não é verdade...Depressão tem tratamento, e existem redes de apoio...uma luta diária, invisível aos olhos dos outros, mais que precisamos mudar no nosso interior...
Eu decidi mudar, por amor próprio e também pelos meus filhos...

Eu separei dois links ótimos para leitura, só clicar AQUI e AQUI...


   A Vida é feita para ser vivida, não para ser empurrada com a barriga como uma obrigação somente!

Bjos

7 comentários:

Flaviana Rocha disse...

É, Keilla, não é fácil falar sobre isso! Depois que o pequeno nasceu e eu fiquei longos onze dias internada e visitando ele diariamente durante mais 16, parece que perdi o rumo. Dizem que fui bastante forte por não ter depressão. Mas eu tinha uma grande tristeza, uma culpa, sei lá. Não sabia mais como cuidar das coisas, de mim. Na verdade, ainda estou aprendendo. E é como você, não são somente as pessoas que ficam chorando, se lamentando, ameaçando se matar ou coisas do tipo, ela é bem mais sutil do que parece.
Mas tenha fé que tudo se encaminha. Vamos manter bons hábitos e partir pra uma vida feliz! E não importa o que os outros digam o que importa é o que o seu coração diz!
Beijos :*

Irvando Nietto disse...

É Keilla, eu costumo dizer que a depressão é um monstro que vai nos devorando aos poucos, eu engordei mais de 30 kgs, fiquei triste, calada, não gosto de multidão, tenho pânico e quando as crises vem é horrível. Estou passando por poucas e boas, porém sozinha, não permito que as pessoas saibam, tento poupar minha família, tenho mêdo de tudo, não saio sozinha, fico dentro de casa com medo que algo ruim aconteça, é doloroso e o pior é ver pessoas que se diziam amigas se afastarem de mim, minha mãe, minhas irmãs, alguns parentes que eram próximos, a verdade é que ninguém quer uma pessoa triste e sem nenhuma vontade de viver por perto, mas enfim, vou levando, no momento sem tratamento e sem vontade de nada. Beijos.

Cintia disse...

Amei a postagem Ke...na verdade foi de grande ajuda para mim...ninguém sabe,mas eu também tenho depressão...luto sozinha contra ela...já procurei ajuda de vários médicos q riem da minha cara e me dizem apenas que eu sou jovem e bonita...e que tenho a obrigação de ser feliz.As pessoas a minha volta não entendem o que eu sinto...e a cada dia acordar e tentar levar uma vida comum-pegar um ônibus,trabalhar,raciocinar,limpar a casa ou até mesmo dar atenção pro meu marido-são tarefas extremamente desgastantes pra mim.Ninguém sabe o que eu sinto e também não sei explicar.O que me ajuda é ter uma relação de amizade com Deus onde eu desabafo e sinto que ele está ao meu lado.bjs

Eliete Miranda disse...

Nossa Keila... engraçado que quando eu penso que nada mais em você me supreende... eu também a pouco tempo atrás cheguei esse conclusão... eu herdei da minha mãe essa doença e não tinha me dados conta dela, mas a verdade é que desde criança eu tenho depressão, mas estou decidida a vencer todos os dias, um passinho de cada vez, pequenas mudanças diárias são muito importantes mesmo, como voce eu também sou desorganizada e indecisa, mas também sou mãe de duas crianças e por elas... e por mim também.. vamos vencer juntas!

Um grande abraço!!

Vivendo e Revivendo disse...

Adorei seu blog, me vi em suas palavras.

Dani Cristina disse...

Seu texto é maravilhoso...não sabe o quanto pode ajudar às outras pessoas com o seu testemunho de : Primeiramente consiguir enxergar o que se passa com vc e depois por ter a coragem de compartilhar isso.-Parabéns e desejo meu de que vc SUPERE Logo.

Beijos! :)

Elza Carrara disse...

No ano passado estive em um "estado depressivo" assim chamado pela minha terapeuta. E sim, é um doença que precisa de tratamento. A gente acaba descobrindo mais sobre nós mesmos, enfrentamos medos internos e nunca voltamos a ser os mesmos depois dessa experiência.
Torço por você, torço para que te compreendam e torço por sua melhora. A depressão limita muito a gente, se libertar dela é preciso :)
Conte comigo se precisar,
Bjs